quinta-feira, 26 de maio de 2011

O leão e a ovelha



Em um certo dia, não sei bem se era belo, todos os coletores de impostos nas províncias do Império Romano e alguns “pecadores”estavam reunidos para ouvir Jesus dar uma palavrinha. Mas os fariseus e os mestres da lei o criticavam, dizendo: “Este tal de Jesus recebe pecadores e come com eles”.

Então Jesus lhes contou esta pequena história:

“Qual de vocês que possuindo cem ovelhas, e perdendo uma, não deixa as noventa e nove no campo e vai atrás da ovelha perdida, até encontrá-la? E quando a encontra, coloca-a alegremente nos ombros e vai para casa.

Ao chegar, reúne seus amigos e vizinhos e diz: “Alegrem-se comigo, pois encontrei minha ovelha perdida”. Eu lhes digo que, da mesma forma, haverá mais alegria no céu por um pecador que se arrepende do que por noventa e nove justos que não precisam arrepender-se.”

Diz a bíblia que Jesus é o Leão da tribo de Judá. Essa metáfora quer dizer que ele é o mais forte, o rei, aquele a quem todos devem obedecer. Nós somos as ovelhas. Jesus também é nosso pastor. Mas, nesse post, usei a figura do leão pra dizer que ele é forte e poderoso. Essa dualidade ovelha x leão comparada a nós e Cristo nos revela algo muito interessante.

Ao contrário do que aconteceria no reino animal, nós não precisamos fugir do leão. Ao invés disso, o leão nos convida a estar com ele. Se nós nos perdemos, ele vem e nos resgata. Ele quer estar conosco, nos proteger, nos salvar.

Essa volta da ovelha perdida significa o arrependimento de um pecador. E a alegria de Jesus é muito grande quando alguma ovelha volta algum pecador se arrepende.

Primeiro, você é uma ovelha um pecador? Segundo, você se perdeu no caminho há algum pecado, erro, falha do qual você precisa se arrepender?

Se a sua resposta para essas duas perguntas tiver sido “sim”, parabéns. Você está pronto para voltar ao lugar onde você deve estar, junto de Jesus – o leão.

Obs.: Essa pequena história falada por Jesus foi escrita pelo Lucas, o evangelista, escritor de um dos evangelhos. Tá lá no capítulo 15.

Lucas Ribeiro.

domingo, 22 de maio de 2011

Aufgabe


“Se alguém quer vir após mim, negue-se a si mesmo, e tome cada dia a sua cruz, e siga-me.” Lucas 9:23

Creio que o versículo acima citado é um dos melhores exemplos de como deve ser a nossa vida cristã. Negar a si mesmo, tomar sua cruz, seguir Jesus.

Mas, David, watarrél é essa coisa de aufgabe?

Bom, agora vem a ligação. Estava eu numa das minhas aulas da faculdade, e a professora citou essa palavra, que faz parte do título original do texto que líamos. E no dia seguinte acordei com a palavra na cabeça, juntamente com o versículo.

Aufgabe, do alemão, significa TAREFA, e também RENÚNCIA. E me parece que essa palavrinha resume o que Jesus quer dizer. Temos a TAREFA de segui-lo, viver para ele. Temos que renunciar quando ele pede pra negar a nós mesmos. Ahn!? Negar a si mesmo!? Como assim? Bom, jovem, Jesus falou muito de amar o próximo. E esse ‘próximo’ não é seu pai ou mãe, ou namorada(o), ou amigo(a) somente. Esse próximo que Ele quer que amemos é aquela menina metida da sua sala. É aquele cara que procura briga com todo mundo.

É aquele seu colega que sempre marca trabalho na casa dos outros só pra filar a bóia. E, quase sempre, amar o próximo exige que neguemos a nós mesmos. Essa é a RENÚNCIA.

Que você, que é a luz de Deus, possa viver esse aufgabe dia a dia. Que você viva como um verdadeiro discípulo de cristo (ou seja, um cristão). Sei que isso não é fácil. Mas Ele nos fortalece para que possamos cumprir Sua perfeita e agradável vontade.

Deixe sua luz brilhar!

David Christian.

terça-feira, 17 de maio de 2011

Evangelho segundo o twitter



Fala, galera!

Se você é cristão, é muito importante que você saiba o que é o evangelho. Também é muitíssimo importante que você fale para as pessoas sobre o evangelho. Mais ainda: é essencial que você viva o evangelho.

Se você não é cristão, é de VITAL importância que você conheça o evangelho, que você conheça Jesus e se encontre com ele. É a coisa mais inteligente que você pode fazer na sua vida. É mais importante do que ganhar na loteria, namorar a mulher ou o homem mais lindo do mundo, passar no vestibular pra medicina, do que ver o Flamendo perder pra o Ceará, ou ter TODOS os sonhos realizados.

Se você é cristão e não tem falado muito ou nada de Jesus para as pessoas, peço que você peça perdão por isso, se arrependa, se prepare e fale sobre o evangelho para a galera que tá próxima de você. Um bom primeiro passo seria divulgar esse blog para os seus amigos, principalmente esse post, que fala sobre o evangelho de uma forma criativa.

Curte aí esse vídeo e conheça um pouco mais sobre o evangelho.


video


Ah, importante. Há um jeito certo de seguir Jesus. Não é do jeito que você quer. É do jeito que ele quer que você o siga. Como saber o jeito certo?

Tem um livro da bíblia chamado Lucas. No capítulo 14, tem um texto que fala sobre o preço de ser um seguidor de Jesus. Esse texto vai do versículo 25 até o 35.

Se você não tem bíblia ou tá com preguiça de pegá-la, digita no google que você acha.

Fiquem com Deus.

Lucas Ribeiro.

sexta-feira, 13 de maio de 2011

Que história é essa de evangelho?



Em um post da semana passada, falamos que Jesus é o nosso rei. Ele veio nos trazer boas notícias. Mas que boas notícias são essas? A palavra evangelho significa boas novas, boas notícias. Veja esse pequeno e criativo vídeo sobre o que é o evangelho. Esse vídeo é muito massa. 

video

E esse menino na foto com um binóculos? Esse é você. À procura de uma resposta, de uma saída, de um PROPÓSITO, um SENTIDO para a vida. Deus sabe exatamente aquilo que o homem vive procurando. Ele sabe do que o homem precisa. E aí vem outra boa notícia: você não precisa mais ficar procurando respostas por aí. 

A resposta é o evangelho, é Jesus. Basta agora acreditar nesse presente que Deus deu a você e viver do jeito que Ele [Jesus] quer que você viva. 

Então é isso, galera. Pra saber mais sobre o evangelho e sobre essa forma de viver do jeito que agrada a Deus, aconselhamos que você leia a bíblia, especialmente os livros cujos nomes são: Mateus, Marcos, Lucas e João. Nela você encontra TUDO aquilo de que o homem realmente necessita. 

Um grande abraço. 

Lucas Ribeiro.


segunda-feira, 9 de maio de 2011

Mantenha-se no caminho


Todos os dias acontecem tantas coisas querendo nos tirar do foco. Uma decepção amorosa, um problema na família, chateação no trabalho, falta de dinheiro. Como viver num mundo de tantas oscilações? Numa vida de altos e baixos? É INEVITÁVEL.

Coisas ruins acontecem todos os dias. Entretanto, coisas boas também. Não se deixe abater por notícias ruins. Tudo passa. O que importa é como vamos nos comportar quando essas noticias ruins chegarem, qual será nossa atitude em meio a tempestade. Você é daqueles que desistem no meio do caminho ou dos que perseveram até o final?

Saiba, você, que Deus sempre manda o escape. Ele nunca nos desampara. Einstein disse que Deus não joga dados. Ele estava certo. Deus não brinca com a gente. Em sua própria palavra, está escrito que nenhuma tentação é maior do que nossa força de suportá-la.

Quando você pensar que essa situação que está se passando em sua vida é difícil demais, lembre-se de quem derramou seu sangue sete vezes por você, lembre-se daquele que morreu na cruz por amor a você, daquele que se fez pobre para que fôssemos ricos.

 Jesus, o maior exemplo de todos, manteve-se no caminho. Ele sabia que seria difícil morrer por toda a humanidade. Tentações e tempestades sobrevieram sobre a sua vida, porém ele se manteve firme no propósito. Você nunca vai achar na bíblia um texto em que Jesus reclamava de alguma coisa, não há nenhuma passagem que cite Jesus dizendo: “Oh, céus. Oh, vida.” Jesus passou a tempestade toda de cabeça erguida.  Jesus se manteve no caminho.

Mantenha-se você também no caminho. Situações adversas vencidas nos tornam mais fortes. Chegou a hora de brilhar em meio às trevas. José de Alencar manteve-se firme no propósito de lutar contra sua doença, foi uma batalha intensa que teminou com morte, sim, mas também com 13 anos a mais de vida. Se ele tivesse desistido antes, 13 anos deixariam de ser vividos. Ele foi um guerreiro enquanto vivo. Você também pode ser.

Que a luz esteja com vocês.

Willian Ricardo.

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Matando o velho homem




Venho trazer uma palavra rápida e direita que muitos já devem saber, mas com o passar do tempo vamos esquecendo. Esta palavra é sobre o velho homem.

A bíblia diz em 2 CO 5:17 que “Assim que, se alguém está em Cristo, nova criatura é; as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo.”

Mas, a questão é esta: será que estamos realmente dispostos a nos tornar novas criaturas? Estamos realmente dispostos a deixar o velho homem e deixar as coisas que sabemos que não devemos fazer?

No vídeo abaixo, podemos ter uma idéia do que temos que fazer se estamos verdadeiramente em Cristo.

video


Você está disposto a matar o velho homem todos os dias??

Felipe Carvalho.

terça-feira, 3 de maio de 2011

Esse é o nosso Rei



Este blog tem um objetivo claro: promover o nome de Jesus. Mas, o que ele representa para nós?

Provavelmente, precisaríamos escrever um livro pra dizer o que Jesus nos representa. Mesmo assim, vamos usar as poucas linhas de um simples blog. Este blog.

Lá na bíblia, no livro de João [3:16 – 17], tá escrito bem assim: “Deus nos amou de uma maneira tão grande que foi capaz de enviar o seu único filho, para que toda pessoa que acreditar em Jesus não morra, mas tenha a vida eterna. Porque Deus enviou o seu filho para que o mundo fosse SALVO por ele”.

Jesus é o nosso Salvador. Ele nos salvou de uma vida desgraçada, de uma vida vazia, SEM SENTIDO, do poder do pecado, do inferno. Essa é a verdade.

Jesus não é uma garçom, a quem eu levanto minha mão ou “assovio” pra que ele venha e sirva o que eu quero. Ele não é um bombeiro, a quem eu chamo apenas quando estou em apuros. Jesus não é como Napoleão Bonaparte, um importante personagem histórico. Ele também não é como Hércules, um personagem da mitologia, um mito. Jesus não é como o saci-pererê, uma lenda. Ele não é como Gandhi, um homem que lutava por grandes ideais.

Jesus não é aquela pequena arte pregada numa cruz, que fica pendurado em nossos colares e paredes – estático, mudo, indiferente, morto, inútil. Ele não é um amuleto! Jesus não é aquele cara que curou um monte de gente láaaa naquela época e hoje ninguém sabe onde ele está.

Ele é o filho de Deus. Ele é tudo aquilo de que eu e você precisamos. Ele está vivo. Falei com ele hoje. Ele também falou comigo. Não, não foi um monólogo. Ele é meu melhor e leal amigo. Ele NUNCA me decepciona. Veja esse pequeno vídeo. Achei fantástico o modo como esse pastor descreve Jesus. 

video


E pra você? Quem é Jesus? O que ele representa pra você? Peço, por favor, deixe seu comentário respondendo a essa pergunta. Ah, não vale essa: “Ele é tudo pra mim!”. Seja mais específico, faça-me o favor.

Hein, que história é essa de evangelho? Esse será o tema de um dos próximos posts.

Lucas Ribeiro.